quinta-feira, 31 de janeiro de 2013


Evento preparatório para o XXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE PSICANÁLISE
“Ser contemporâneo: Medo e Paixão”


Cristiane Reberte de Marque
Membro Filiado da SBPRP

O tema do Congresso Brasileiro de Psicanálise 2013 é instigante: “Ser contemporâneo: medo e paixão”. Como podemos pensar nessas palavras, através de um vértice psicanalítico? E, quando arranjadas nesta frase que dá nome ao congresso elas mantêm o mesmo sentido de quando isoladas, ou surge algo novo?

Fazendo parte da história da humanidade, a Psicanálise é muito jovem, é contemporânea. Vindo à luz há pouco mais de 100 anos, fruto de longos ciclos de transformações, emergiu na mente criativa e investigativa de Sigmund Freud, atraído por fenômenos mentais primitivos, primitivos em relação ao tempo e à forma, e que sobrevivem, por vezes transformados, no atual e sofisticado da cultura e do indivíduo.

Freud, admirador e colecionador de objetos construídos por civilizações antigas, com seu pensamento abriu caminhos para que novos objetos, concretos e abstratos, surgissem e redimensionassem as ideias sobre o homem e seu pensamento.

Convidamos a todos para participar conosco desse evento e apresentamos como um primeiro estímulo à imaginação e ao contato com o tema uma imagem da obra “Sleepover”, criada pelo artista Christie Brown a partir dos fragmentos arqueológicos que pertenciam à Freud e atualmente exposta no Freud Museum em Londres.


Informações

O evento acontece em 13/04/2013 (Sábado), das 8h às 12h50min, na sede da SBPRP.

Palestrantes
Daniel Delouya - Psicanalista da SBPSP
Maria Aparecida Sidericoudes Polacchini - Psicanalista da SBPRP
Marion Minerbo - Psicanalista da SBPSP
Maria José Bottino Roma - Professora de Literatura - Colégio FAAP

Para acessar a Programação, clique aqui!

Valores

Membros Filiados e Estudantes:

Até 15/03 - R$ 70,00
Até 08/04 - R$ 80,00
13/04 na Sede da SBPRP - R$100,00

Membros Febrapsi e Profissionais:

Até 15/03 - R$ 90,00
Até 08/04 - R$ 100,00
13/04 na Sede da SBPRP - R$ 120,00

Inscreva-se aqui!

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013


Por Cristiane Sampaio
Mtb. 61.431


Olá,

Como o pessoal pediu e foi prometido, nós estamos postando mais uma entrevista sobre Cinema & Psicanálise. Hoje, nossa conversa foi com Dr. Paulo de Moraes Mendonça Ribeiro, o novo coordenador do Projeto. Ninguém melhor que ele para nos contar as novidades para 2013. Acompanhe!

SBPRP: Como o senhor encara esta nova fase, visto que agora estará à frente do Cinema & Psicanálise?

Dr. Paulo: “O Cinema e Psicanálise foi um projeto pioneiro em Ribeirão Preto, que se iniciou em 1999 como um segmento do “Espaço Cultural” da Sociedade Brasileira de Psicanálise de Ribeirão Preto.  O "Espaço Cultural" foi idealizado pela Dra. Lenise Lisboa Azoubel e o objetivo do Cinema & Psicanálise era apresentar ao público em geral o modo psicanalítico de pensar, bem como apresentar os nossos analistas à comunidade, diminuindo o abismo de idealização que havia (e ainda há um pouco) dos analistas e da própria Psicanálise. Neste tempo, as apresentações eram feitas mensalmente e os comentários dos filmes feitos pelos psicanalistas da SBPRP, podendo ou não ser acompanhados dos comentários de um profissional de uma área diferente. Esta fórmula deu tanto certo que o C&P progrediu muito, e proliferou em outros segmentos da comunidade: hoje contamos cerca de cinco projetos semelhantes espalhados pela nossa cidade (como o campus da USP, do Centro Médico, do Espaço Kaiser, etc.) bem como também nas cidades vizinhas a Ribeirão.

Recentemente, ao assumirmos o C&P, resolvemos em comum acordo com a nova Diretoria da SBPRP, reformularmos o projeto e novidades estão porvir!”

S: Aos fãs do projeto o que se pode esperar de Cinema& Psicanálise para 2013?

DR.P.: “A principal reformulação será no formato. Passaremos a trabalhar temas na forma de Ciclos, por exemplo, estamos organizando para o segundo semestre deste ano o “Ciclo Lars Von Trier”, que tratará os filmes “Anticristo” e “Melancolia”, que são filmes autobiográficos do diretor e que versam sobre as profundezas da dor na alma humana. Depois faremos ciclos sobre Eros, sobre Ciúme e Inveja, sobre o diretor espanhol Almodóvar, e assim por diante. Mas para começar faremos um C&P em Maio, dia 25, sobre o tema “Adolescência”, antecipando o evento científico que a SBPRP está organizando para Junho sobre este importante e muito atual tema. Em breve teremos mais informações sobre este nosso reinício. Não percam!

Também queremos mudar o dia e o local do C&P, trazendo-o para a nossa sede, e colocando-o num horário de “happy hour”, sábado às 17h, aproximando ainda mais a comunidade do pensar psicanalítico e promovendo um espaço de ciência e lazer para os colegas e os interessados no tema. O C&P que ocorre em parceria com o SESC, aos domingos, deve ser não só mantido pelo sucesso que tem junto ao público da terceira idade, mas também ampliado com uma sessão extra mais voltada para a comunidade das demais “melhores idades”. Participem! E sugestões são sempre bem vindas!”

Então, está combinado Dr. Paulo. Aos interessados em participar e enviar sugestões, podem entrar em contato conosco aqui pelo blog, facebook ou até mesmo na sede da SBPRP.

E não deixem de ficar atentos as novidades que nós vamos postar sempre por aqui!

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

“Neste post vamos bater um papo com a  Diretora Científica da SBPRP sobre a importância deste setor para nossa instituição”

Por Cristiane Sampaio
Mtb. 61.431


Olá,

Hoje o Blog da SBPRP traz mais uma entrevista enriquecedora aos nossos ávidos leitores. Como estamos começando o ano, resolvemos postar este bate-papo com Lia Fátima Christóvão Falsarella, nossa Diretora Científica, sobre o que consiste e como é realizado o trabalho desta Diretoria, que é essencial para o desenvolvimento da Sociedade. Essa entrevista serve também como orientação e informação aos nossos próximos membros. Se liguem!

SBPRP: Lia, no que consiste e qual a importância do trabalho que é desenvolvido na Diretoria Científica?

Lia: “Esta questão é estimulante porque me coloca descobrindo uma resposta por esse vértice e vou me dando conta de ser um belo desafio.


Considero que a função da DC tem seu eixo nas Reuniões Científicas. Nestas reuniões, nas quais participam todos os membros da Sociedade, são apresentados os trabalhos para discussão. Toda produção científica dos membros da Sociedade conta com esse espaço para publicação e debate com seus pares; em conjunto  com outros  foros como congressos, simpósios, além de todas as atividades reunidas nos diversos setores da DC, filtram avanços conceituais  ao mesmo tempo que mantêm acesa a disposição investigativa tão essencial a uma ciência jovem como a Psicanálise.

O organograma atual da DC inclui além das Reuniões Científicas; toda a área de Publicações (Boletim e Revista Berggasse); o Departamento de Cultura e Comunidade; os Eventos Científicos e os Grupos de Estudo. É um vasto campo e cada uma dessas áreas mereceria uma conversa à parte.

Encontra-se em andamento o projeto de tornarmos o departamento de Cultura e Comunidade em uma nova Diretoria. Para se ter uma idéia, dentro desse departamento encontramos: Cinema e Psicanálise, Espaço Cultural, as Supervisões e Consultorias, os projetos Semeando e Clinicando, Espaço Educação e o SAP. Atividades voltadas para uma interação com a comunidade”.

S: Qual a função deste setor dentro da Sociedade?

L:Partimos do princípio que conhecimento é busca continua e inacabada. Portanto, o saber psicanalítico se coaduna muito mais com a idéia de movimento.


Se tomarmos uma árvore representando a Sociedade de Psicanálise, talvez pudéssemos dizer que seus frutos, razão de sua existência e continuidade, correspondem ao Instituto de Psicanálise (para formação de novos analistas). Nessa mesma analogia, a Diretoria Científica teria sua representação na seiva desta árvore que, circulando, veiculando conhecimento e trocas, a nutre e fortalece, a vivifica.

A metáfora da seiva ainda nos oferece outra imagem, qual seja, a de movimento constante, intercâmbio, quer voltado para dentro entre seus pares, como mencionei a respeito das Reuniões Científicas, quer voltado para fora através dos Eventos Científicos e todas as atividades em interação com a comunidade”.

S: Hoje, a Diretoria Científica é composta por quantas pessoas? Quais as funções de cada uma delas?

L: “Coerente com o que venho dizendo e considerando a dinâmica da Diretoria Científica seria mais apropriado dizer que todos os membros da Sociedade fazem parte dela. Porém, num sentido mais estrito, posso citar por alto seu amplo organograma.

Cada Setor conta, geralmente, com um coordenador e uma equipe permanentes.Porém, dependendo, como no caso dos Eventos, esse coordenador e equipe são flutuantes.

Posso mencionar aqueles setores que já contam com seus coordenadores, outros estão em processo de mudança, nessa atual gestão da Sociedade. Assim temos: Eventos Científicos – com uma comissão fixa composta pelos colegas: Alessandra Stöcche (representante dos membros filiados), Alexandre Mello, Fernanda Passalacqua, Mª Auxiliadora Santos, Mª Aparecida Pelissari e Sandra Caseiro. Além desta comissão que, geralmente, assume a coordenação dos Eventos Científicos, para cada evento constitui-se uma comissão própria. Deste grupo também saem os coordenadores das Reuniões Científicas, além de constituir-se num grupo de trabalho permanente dentro da DC. Enfim, trabalhamos em equipe.

Os Grupos de Estudo – que são, atualmente, num total de 13 grupos, cada qual com um ou mais coordenadores. Não vou citá-los, pois só isso tomaria um bom espaço, além de que, também merecem uma atenção à parte.

O Departamento de Publicações – inclui Boletim e Revista Bergasse que, no momento, se encontram em processo de mudança de editoria. É outra área de suma importância para a vida científica da Sociedade. Lembrando que a existência de algo se consolida na sua publicação.

O Departamento de Cultura e Comunidade – com a coordenação de Alexandre Mello, se divide em três setores, que, como já mencionei, também mereceria mais atenção em outra oportunidade, tem: Mônica Bitar, Regina Mingorance, Débora Mellem, Cláudia Bianchi nas Atividades de Assistência e Educação; Patrícia Tittoto nas Atividades de Consultoria e Supervisão e Paulo Ribeiro nas Atividades Culturais.

Não cabe nesse espaço estender-me mais. Porém, fica a sugestão de outras abordagens que se dirijam aos setores e departamentos que aqui apenas puderam ser mencionados, mas que constituem a vida científica da SBPRP”.

Obrigada Lia, por nos fornecer tantas informações neste breve bate-papo. Esperamos que esta entrevista também tenha lhes servido como orientação e referência neste começo de ano.

Em breve teremos mais novidades da SBPRP aqui no Blog. Fiquem atentos aos nossos posts!

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013


Por Cristiane Sampaio
Mtb. 61.431



Olá,

Atenção grandes fãs da telona! Hoje o blog da SBPRP traz uma breve entrevista sobre cinema e psicanálise. Nós convidamos ninguém menos que, Josimara Magro Fernandez, Psicanalista e membro efetivo da SBPRP que coordenou o projeto “Cinema & Psicanálise” por dois anos na Sociedade. Acompanhem!

SBPRP: Nós sabemos que este é um dos projetos mais apreciados dentro da SBPRP, estar à frente dele é sem dúvida uma grande responsabilidade. Como foi para você coordenar o Cinema & Psicanálise por dois anos?

Josi:
“Coordenar o Cinema e Psicanálise foi uma ótima experiência, foi na verdade uma continuidade da experiência de participação na Comissão(que foi coordenada, nos 4 anos precedentes, pela Denise Antonio, com quem trabalhei bem de perto e aprendi muito). Unir duas paixões – a psicanálise e o cinema – e testemunhar as pessoas interessadas em conversar sobre os filmes, relacionando a experiência estética com a emocional, expandindo seus campos de observação é maravilhoso. Essa é a grande satisfação desta atividade: ver a psicanálise sair dos livros e se propagar entre  pessoas das mais diversas formações, com o auxílio desta incrível arte ligada ao movimento e às imagens (aliás, à maneira de funcionar do inconsciente). O Cinema e Psicanálise está em atividade há cerca de 14 anos e já faz parte da cena cultural de nossa cidade, foi uma honra pra mim fazer parte desta história”.



S: Aproveitando a oportunidade, como estamos de férias você poderia indicar aos nossos leitores um bom filme?

J: “O garoto da bicicleta” – uma co-produção Bélgica/ Itália e França realizada em 2011, sob a direção de Jean Pierre e Luc Dardenne. Trata-se de uma comovente história a respeito de um garoto (Cyril) que procura o pai desesperadamente, após ser deixado num orfanato. Por acaso, ele esbarra em uma cabeleireira (Samantha) e esse encontro irá transformar a vida de ambos. Sempre admirei o talento dos europeus para trabalharem com crianças no cinema. Temos exemplos de sobra –“ Quando papai saiu em viagem de negócios”; “Ponnete”; “Paisagem na neblina”  - as dores da infância, os lutos, as decepções são tratadas com maestria e profundidade nesses filmes e "O garoto da bicicleta” é mais um exemplo. Vale a pena conferir!”







S: Agora, mudando um pouco de assunto. Você vive uma nova fase na SBPRP, acaba de assumir o cargo de diretora financeira no novo conselho diretor. Mais um desafio?

J: “Fazer parte do Conselho Diretor, como diretora financeira na gestão 2012/2014 está sendo um enorme desafio: função de muita responsabilidade, mas que espero desempenhar com tranquilidade, pois integro um grupo de trabalho muito bom. Estamos empenhadas em cuidar de nossa querida SBPRP, dando continuidade a uma história institucional que muito nos orgulha, pois temos a honra de formar psicanalistas com o mais alto nível profissional”.

Com certeza Josi, a SBPRP está sempre buscando o melhor para seus alunos e membros!

Agora, fiquem atentos aos posts, pois em breve teremos mais novidades e dicas de Cinema & Psicanálise para 2013.

Até!




quarta-feira, 2 de janeiro de 2013


“Em um breve depoimento, a Diretora Científica da SBPRP Lia Falsarella nos contou quais os eventos e atividades previstos para o próximo ano”

Por Cristiane Sampaio
Mtb. 61.431


Fonte: http://mahlerti.com.br


Olá,

Mais um ano se inicia e nós já estamos com os preparativos para o começo das atividades na SBPRP a todo vapor! Já sabemos que os temas Psicanálise de crianças e adolescentes e “Psicanálise e Música: Em Cantos da Mente” estão entre os temas a serem abordados em 2013. Veja o que nossa Diretora Científica disse sobre os projetos para este ano:

“É com grande satisfação que apresentamos os primeiros resultados do trabalho da Diretoria Científica. Alexandre Mello, Fernanda Passalacqua, Mª Auxiliadora Santos, Mª Aparecida Pelissare e Sandra N. Caseiro compõem a Comissão que tem trabalhado com afinco nesses últimos meses.

Fonte: http://psicanalisearte.blogspot.com.br
Em 22 de Fevereiro iniciaremos com uma atividade do Instituto de Psicanálise, a Aula Inaugural ministrada pela psicanalista Nilde Parada Franch, atual presidente da SBPSP. Em 16 de março numa interessante iniciativa da AMFIP (Associação dos Membros Filiados do Instituto de Psicanálise da Sociedade Brasileira de Psicanálise de Ribeirão Preto), o evento Música e Psicanálise: Em Cantos da Mente.

Para 13 de abril teremos o Evento Preparatório do Congresso Brasileiro: Ser Contemporâneo: Medo e Paixão, apresentando uma estimulante interface da psicanálise com áreas afins. E para 7 e 8 de junho preparamos Psicanálise da Infância e Adolescência evento que trará vários psicanalistas convidados.

Teremos, portanto, um semestre de intensa atividade enquanto já estaremos trabalhando nos bastidores da III Bienal cogitada para 2014.  

Convidamos a todos para compartilhar conosco um ano de trabalho fértil, trocas estimulantes e crescimento conjunto”.
                                Lia Falsarella (Diretora Científica)

Fique atento em nossas atualizações, pois em breve teremos mais informações sobre todos os eventos.

Até!

Popular Posts

Loading...
Subscribe to RSS Feed Follow me on Twitter!